Pinheiro – Gestão de Luciano Genésio é denunciada na PF e MP por contrato de R$33 milhões na saúde do município

Pinheiro – Gestão de Luciano Genésio é denunciada na PF e MP por contrato de R$33 milhões na saúde do município

9 de julho de 2019 0 Por Daniel Santos

O prefeito Luciano Genésio terá que prestar esclarecimentos a Polícia Federal e ao Ministério Público do Maranhão por conta da contratação de uma empresa que presta serviços médicos ao município de Pinheiro. A atual gestão contratou por um ano pelo valor de R$33 milhões, a empresa ADM Médica, que também já é investigada por contratos semelhantes nas cidades de Codó e Coroatá.

Acontece que o contrato celebrado entre a Prefeitura de Pinheiro e ADM Médica ocorreu com dispensa de licitação, o que traz muitas suspeitas. Em consulta ao Tribunal de Contas do Estado do Maranhão, a empresa mantém um padrão de contrato a várias prefeituras para “fugir” das licitações.

O mesmo contrato celebrado por dois anos na cidade de Coroatá, foi assinado na cidade de Pinheiro, ou seja, não houve nenhuma modificação em clausula alguma do contrato, o que eleva a suspeita.

A ADM Médica prestará serviços básicos de saúde como atendimento médico e ambulatorial no período de 12 meses na rede municipal.

Diante dessa situação, uma Notícia Fato foi apresentada ao Grupo de Atuação e Repressão ao Crime Organizado no Maranhão (Gaeco), órgão do Ministério Público e também a Superintendência da Polícia Federal do Maranhão.

A ADM Médica é de propriedade do casal Victor Hugo Pinho da Silva Pereira e Samira Raquel Martins da Silva, ambos mantém parentesco com a esposa do médico Josué Pinho da Silva Júnior, conhecido como Dr Júnior, o qual foi candidato a prefeito em Peritoró em 2016 e apoiou a candidatura de deputada estadual de Dra Thaiza Hortegal, ex-esposa do prefeito Luciano Genésio.

Chama atenção ainda que no corpo técnico da ADM Médica está o próprio Dr Júnior, que é escalado para trabalhar pela empresa, assim como também o médico Dr Kaio Aguiar Hortegal, irmão da deputada Dra Thaiza Hortegal e naturalmente cunhado do prefeito Luciano Genésio até a presentada data da celebração do contrato que ocorreu em 2017.

https://kelsonvinicius.com.br/arquivos/DENUNCIA-POLICIA-FEDERAL-LUCIANO%20GENESIO-E-ADM-MEDICA.pdf

https://kelsonvinicius.com.br/arquivos/DENuNCIA-GAECO-LUCIANO%20GENESIO-E-ADM%20MEDICA.pdf