Envolvido em morte de sargento é identificado pela polícia

Envolvido em morte de sargento é identificado pela polícia

4 de janeiro de 2019 0 Por Daniel Santos

A polícia já identificou um dos suspeitos na morte do sargento reformado da Polícia Militar assassinado nesta quinta-feira (03), em Imperatriz. A suspeita que cinco pessoas estejam envolvidas no crime, imagens de câmeras de segurança devem ajudar nas investigações.

O corpo do sargento Joselito Fernandes Marinho, 51 anos, foi velado na Igreja Santa Teresa Dávila. Familiares, amigos e antigos companheiros de trabalho da Polícia Militar foram ao local prestar as últimas homenagens.

A Polícia Civil, através do Departamento de Homicídios, montou uma força-tarefa conjunta com a Polícia Militar para a identificação dos suspeitos. Horas depois do crime, a equipe já chegou ao nome de um dos envolvidos: Zandonai Barbosa Oliveira, conhecido da polícia pela participação em crimes de latrocínio que está foragido.

Além de Zandonai, durante a operação a polícia já está na busca dos outros envolvidos. Para a ação foram utilizadas 3 motocicletas, uma delas foi abandonada logo após o crime. A maioria dos registros foi flagrada pelas câmeras de monitoramento do local do homicídio. Além disso, a arma também foi descartada após o PM reformado ser atingido pelos disparos. O PM reformado foi morto após ter realizado um saque no valor de aproximadamente 30 mil reais.