Pinheiro – Mesmo o Município recebendo milhões de reais, Luciano Genésio diz em entrevista que médica já teve que comprar medicamentos com próprio salário para o hospital Antenor Abreu

Pinheiro – Mesmo o Município recebendo milhões de reais, Luciano Genésio diz em entrevista que médica já teve que comprar medicamentos com próprio salário para o hospital Antenor Abreu

13 de abril de 2021 0 Por Daniel Santos

O prefeito de Pinheiro Luciano Genésio voltou a conceder entrevista nesta terça-feira (13) para praticamente falar as mesmas coisas como sempre faz.

A população de Pinheiro sempre usa as redes sociais para cobrar transparência da gestão Municipal no combate à pandemia do coronavírus, assim como também os Vereadores de oposição levantam essa mesma bandeira, pois sabem que a saúde e o combate não está funcionando como deveria.

É de conhecimento de todos que a prefeitura vem recebendo milhões e milhões de reais para a saúde de modo geral, com a pandemia esse milhões aumentaram ainda mais. Mais o que chama a atenção é que os usuários do sistema de saúde pública sempre reclamam da falta de um bom serviço prestado.

Recentemente a Polícia Federal esteve fazendo uma operação na secretaria de saúde do Município, para investigar um possível desvio de recursos que chegam a somar quase 1 milhão de reais, em um esquema entre a secretaria Municipal de saúde e uma empresa do Piauí. A investigação da PF segue em andamento.

Na entrevista do prefeito desta terça-feira, talvez o que tenha chamado mais atenção foi o fato do gestor ter dito em alto e bom som, que a médica responsável pela ala do Covid-19 no hospital regional Antenor Abreu já chegou a comprar medicamentos tirando dinheiro do próprio bolso para o hospital, com isso fica uma pergunta no ar: o que está sendo feito com tanto dinheiro que é destinado para o combate à pandemia no Município de Pinheiro? A declaração do prefeito mostra que a gestão não tem dado conta de trabalhar no combate, pois se estivesse não haveria a necessidade de uma médica comprar o medicamento com o próprio salário.
Veja o vídeo: