Em Peri-Mirim, gestão do prefeito Heliezer vem sendo marcada por demissões de aliados e muito descaso

Em Peri-Mirim, gestão do prefeito Heliezer vem sendo marcada por demissões de aliados e muito descaso

22 de setembro de 2021 0 Por Daniel Santos

A população de Peri-Mirim jamais esperava que a gestão do prefeito Heliezer iria ser da forma como está sendo, aliás as promessas do prefeito em sua campanha eram bem diferentes do que ele faz hoje.

Além de ainda não ter mostrado para que veio, pois o Município tem vivido um verdadeiro caos administrativo a partir da sua gestão, o prefeito começa a realizar uma maratona de demissões em vários setores da administração pública.

Começando pela secretária de assistência social, que não não faz mais parte do primeiro escalão da gestão, além da secretária, funcionários de vários outros setores também estão sendo demitidos, como por exemplo do hospital Municipal.

As pessoas que estão deixando de trabalhar, foram as mesmas que fizeram campanha para o prefeito na garantia de um emprego, e que agora estão sendo jogados para a rua.

O blog também vem recebendo denúncias de que carros alugados para a prefeitura, estão deixando de trabalhar por conta da falta de pagamento, e que os proprietários não aguentam mais conviver com o atraso. O acúmulo de lixo nas ruas é grande porque os carros da coleta param por falta de combustível, pois o posto que faz o abastecimento não foi pago, assim como também os prédios alugados para o Município que estão na mesma situação.

Uma outra denúncia é a constante falta de medicamentos básicos no hospital Municipal, os pacientes na maioria das vezes precisam se deslocarem à outros Municípios na busca por atendimentos.

Às denúncias também dão conta de que as pacientes da maternidade todas vão para Pinheiro porque nem um parto normal se faz no Município. O tão propagado CIRURGIÃO de Pinheiro que ia operar em Peri-Mirim até hoje não arrancou uma unha sequer quanto mais alguma outra cirurgia, até mesmo porque não tem material cirúrgico, instrumental cirúrgico e medicação para fazer os procedimentos.

Em Peri-Mirim o que se vê hoje, é a população da sede e zona rural sofrendo com a falta se serviços públicos, e a gestão pregando que tudo está indo muito bem.