Ituano vence o Sampaio Corrêa no duelo de desesperados da Série B


Galo quebra jejum!

Em um confronto direto de desesperados, o Ituano quebrou o jejum de 10 jogos sem vencer e bateu o Sampaio Corrêa por 2 a 1, na tarde quente deste sábado, no estádio Novelli Júnior, em Itu, pela 36ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro.

Debaixo de um calor na casa dos 35 graus, o Galo de Itu entrou fervendo e após um grande primeiro tempo abriu 2 a 0, com gols de Mário Sérgio e Eduardo Person. Na etapa complementar, a Bolívia Querida descontou logo no início com um gol de Ytalo, pressionou, mas não conseguiu buscar o empate.

O resultado é crucial para o Ituano, que se afasta a zona de rebaixamento e complica o adversário que pode terminar a rodada dentro do Z-4 da competição.

Como fica?

O Ituano respira e chega aos 40 pontos, subindo para a 14ª posição, aumentando a distância para a zona de rebaixamento, que é de cinco pontos, neste momento. O Galo seca seus concorrentes diretos para que a diferença não seja menos que isso.

Outro que vai torcer contra os adversários é o Sampaio Corrêa, que perde a quarta partida seguida e fica estacionado nos 36 pontos na 16ª posição. A Bolívia Querida entrará no Z-4, caso Ponte Preta ou Chapecoense vençam.

Agenda

O Ituano abre a 37ª e penúltima rodada da Série B do Campeonato em mais um confronto direto, desta vez contra a Chapecoense, na sexta-feira, às 19h, também no estádio Novelli Júnior, em Itu.

Três dias depois, na segunda-feira (20), às 19h, é a vez do Sampaio Corrêa receber o Avaí no estádio Castelão, em São Luís.

O primeiro tempo

O Ituano foi melhor que o Sampaio Corrêa e fez por merecer a vitória por 2 a 0 nos primeiros 49 minutos de jogo.

A primeira boa chance saiu da cabeça de Matheus Cadorini, que obrigou o goleiro Thiago Braga a fazer uma boa defesa. Dois minutos depois, aos 17, o Galo de Itu inaugurou o placar. Numa jogada de lateral para lateral, Pacheco cruzou na medida para Mário Sérgio cabecear forte, sem chances para o camisa 12 da Bolívia Querida.

Apesar da vantagem no marcador, o Rubro-negro continuou em cima e teve três oportunidades claras seguidas com Rafael Pereira (duas vezes) e Wesley Pomba. Aos 41 minutos, após um contra-ataque veloz, Eduardo Person recebeu de Felipe Saraiva na entrada da área e encheu o pé para fazer o segundo gol do Ituano.

O segundo tempo

Logo aos três minutos da etapa complementar, o Sampaio Corrêa aproveitou a falha dupla de Rafael Pereira e Jefferson Paulino e diminuiu a desvantagem. Ytalo foi esperto e marcou para os visitantes. Em meio ao forte calor, o jogo esfriou e o Ituano passou a se defender a todo custo.

O Sampaio buscou o empate a todo momento, mas pouco criou efetivamente. A maioria das finalizações foi travada pela defesa rubro-negra, que soube resistir à pressão adversária. A principal oportunidade foi no cabeceio de Maurício, que finalizou com pouca força.

ge/ma

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *