Alô Ministério Público – Prefeitura de Apicum-Açu faz malabarismo para justificar atividades integrais e do EJA


Em meio aos escândalos do EJA e das escolas integrais, recebemos a denúncia que na cidade de Apicum-açú a gestão do prefeito Zequinha Ribeiro passou desde o mês de novembro/2023 ludibriar/falsear/simular as atividades escolares numa forma de aparentar que os trabalhos integrais vinham sendo feitos regularmente.

No Censo Escolar todas as escolas do município estão cadastradas e declaradas como sendo de TEMPO INTEGRAL, sempre na intenção de gerar mais recursos do FUNDEB. Acontece que das 21 escolas, somente 1 funciona verdadeiramente como INTEGRAL.

Com a mídia em cima das fraudes que se espalharam por todo Maranhão, a gestão Zequinha Ribeiro contratou professores agora no final do ano e saiu distribuindo atividades para os alunos matriculados na escola de tempo integral e EJA, porém de fato nunca houve aula durante todo ano de 2023.

Essas atividades acima, vêm da escola Antônio Barbosa, localizada na zona rural do município no povoado FAZENDA, onde foi declarado no CENSO ESCOLAR 50 alunos de tempo integral porém nunca funcionou o ano todo o integral ai a secretaria de educação resolveu usar essa tática contratar professores por um mês para distribuir atividades no final no ano para tentar justificar que foi trabalhado o ano todo como integral.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *