Veja a íntegra do contrato da “luta livre de artes marciais”, entre o Deputado Yglésio e Alessandro Martins

Foi assinada na tarde desta sexta-feira (10) o contrato da luta entre o deputado estadual Yglésio Moises (PRTB) e o ex-presidente da Euromar – concessionária de carros Volkswagen que faliu no Maranhão, Alessandro Martins.

O documento o qual o Blog do Domingos Costa teve acesso descreve como “luta livre de artes marciais” em um evento intitulado BFC que ocorrerá no próximo dia 14 de junho no Ginásio Castelinho em São Luís.

A luta entre o político e o ex-empresário envolvendo em dezenas de polêmicas, será promovida pela empresa Ilha Produções e Eventos, a mesma que possui contratos com a gestão do prefeito Eduardo Braide e “colocava” a estrutura da Feirinha de São Luís, onde essa mesma empresa arrendou a rádio Mais FM e pertence ao empresário Andson Galdino.

Ainda segundo o contrato, quem desistir da luta terá de pagar R$ 100 mil reais que serão, eventualmente, destinados metade em prol das vítimas da catástrofe ocorrida n Rio Grande do Sul e a outra parte em favor de uma instituição filantrópica de São Luís. Todo o dinheiro e/ou donativos arrecadas mediante o ingresso da luta também seguirá o mesmo destino.

– Contexto da luta

A luta ocorrerá após o ex-empresário publicar vídeos e deferir uma série de ameaças contra o deputado. Após isso, Yglésio também usou suas redes socais para dizer que o ideal seria tornar essa desavença em algo bom como uma luta com regras e que trouxesse algum tipo de benefício à população.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *