Conselheiro tutelar de Cururupu Enielson Tavares, dá dicas para proteger crianças e adolescentes da violência e exploração sexual em tempos de pandemia

Conselheiro tutelar de Cururupu Enielson Tavares, dá dicas para proteger crianças e adolescentes da violência e exploração sexual em tempos de pandemia

14 de maio de 2020 0 Por Daniel Santos

Crianças e adolescentes se tornam especialmente vulneráveis no contexto da pandemia do coronavírus, ficando exposta a situação de violência física, sexual e psicológica.

Mas a pandemia não pode ser justificativa para violar os direitos das crianças e adolescentes.
Para Enielson Tavares, conselheiro tutelar atuante na cidade de Cururupu, todos têm a responsabilidade compartilhada de proteger crianças e adolescentes de qualquer tipo de violência, abuso, exploração e negligência.
De acordo com o conselheiro tutelar , o CT/CURURUPU continua desenvolvendo ações e zelando pela garantia dos direitos inerentes às crianças e adolescentes.

“Sabemos da necessidade do confinamento devido esta pandemia e isso mudou completamente a rotina de nossas crianças e dos adolescentes e sua familia: aulas foram suspensas tanto na rede particular como pública no intuito de inibir a proliferação do vírus e toda essa situação pode favorecer para um aumento nos casos de violência infantojuvenil e que não poderão ser pecebidos pelos profissionais especializados, pois é comum os sinais de abusos serem percebidos na escolas, postos e em outras instituições onde os mesmos frequentam. Elas estarão mais vulneráveis nesse momento de isolamento social, uma vez que na maioria dos casos os agressores são da propria familia. Nesse atual contexto, esta violência torna-se muito mais invisivel. Por isso alertamos os pais a terem o máximo de cuidado com seus filhos. A recomendação é que fiquem ligados na “mudança de comportamento dos mesmos” e qualquer alteração ou comportamento fora do habitual, solicitamos que procure o CT ou CREAS, CRAS , PM e façam a denúncia. Apesar da pandemia, estamos trabalhando de forma especial a esses casos de violência, disse Enielson.

O conselheiro tutelar, disse ainda que neste mês, celebra-se o “Dia Nacional de Combate ao Abuso e Exploracao Sexual de Criancas e Adolescentes” e que a campanha será diferente dos demais anos.

“Estaremos sim fazendo acontecer a campanha. Mas em outro momento informaremos como será feita. Fiquem em casa se puder.” Completou Enielson, disponibilizando o telefone do CT de Cururupu para eventuais informações e denúncias. Para qualquer situação de violência contra crianças e adolescentes. basta ligar para (98) 8494-7383.